Meio ambiente | Tecnologias Sociais | Transforma! - Rede de Tecnologias Sociais

Resultados da busca

Meio ambiente

Poste De Luz Solar - Litro De Luz Brasil

Um Litro de Luz Brasil

O poste de luz solar da ONG Litro de Luz tem a função de iluminar áreas públicas de comunidades que não possuem possuem acesso à rede elétrica ou em casos em que ocorre queda de energia elétrica com frequência. A estrutura do poste é toda montada com canos pvc para facilitar a colocação de cimento para fixação no solo, e possibilitar a passagem de fiação elétrica. Dentro de uma caixa hermética acoplada ao corpo do poste, coloca-se a bateria e o circuito responsável pelo acionamento da lâmpada e pela transferência da energia elétrica que é captada pela placa solar para recarga da bateria. Finalmente, no topo é acoplada a placa solar e para a proteção do led é utilizada uma garrafa pet.

Temas: Energia Meio ambiente Ver mais

Prática Educomunicativa De Produção De Videoclipe Ambiental Com Músicas Amazônidas

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (CPAF RONDONIA)

A TS Prática educomunicativa de produção de videoclipe ambiental é um instrumento pedagógico e interdisciplinar que foi desenvolvida pela Embrapa Rondônia, a partir de 2008, com alunos de uma escola pública de Porto Velho, quando da execução do Projeto Com.Ciência Florestal. Da atividade inicial aos dias de hoje, foram realizados diversos experimentos (Oficinas , Palestras, Cursos) com escolares do ensino Fundamental e Médio, educadores ambientais populares e universitários de Comunicação, Educação e áreas afins, que contribuíram para o delineamento metodológico desta Prática que é baseada na comunicação dialógica, na linguagem audiovisual e interpessoal, e utiliza o discurso literário de músicas de artistas amazônidas para promover a discussão e reflexão sobre questões ambientais do Bioma Amazônia.

Temas: Educação Meio ambiente Ver mais

Primeira Carcinicultura Comunitária Com Licenciamento Ambiental Do Brasil

ASSOCIAÇÃO COMUNITÁRIA DOS CRIADORES DE CAMARÃO DE ICAPUÍ-ACCI

Um modelo literalment comunitário e coletivo, onde, tudo é de todos, tudo é feito por todos, tudo é feito coletivamente, tudo é dividido em partes iguais, independente do nível de escolaridade, da função que exerce, da posição no corpo institucional da entidade ou de qualquer que seja a situação

Temas: Renda Meio ambiente Ver mais

Produção "On Farm" De Insumos Biológicos Na Anfrut

Associação Norte Noroeste Paranaense dos Fruticultores-Anfrut

A Associação Norte Noroeste dos Fruticultores (ANFRUT) de Marialva – PR atenta as demandas da sociedade por produtos mais saudáveis e buscando proporcionar aos seus associados o acesso de condições mais favoráveis para a sustentabilidade econômica e social de suas atividades, iniciou o projeto “ANFRUT BIOLÓGICOS”. A Associação buscou parceiros para montar uma Biofábrica, inicialmente com o intuito de testar alguns produtos biológicos para, em seguida, possibilitar que esta unidade sirva de modelo para os produtores na produção “on Farm”. Com apoio das entidades parceiras e principalmente dos produtores, foram desenvolvidos protocolos de Boas Práticas de Fabricação e de Utilização dos Insumos Biológicos para Controle das principais pragas e doenças em fruticultura e horticultura.

Temas: Meio ambiente Renda Ver mais

Produção De Dispositivos Acústicos Com Fibras Naturais

Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Esta proposta, que vem se desenvolvendo desde 2006, busca nortear as ações de sustentabilidade, através de práticas multidisciplinares e da articulação entre o conhecimentos científico e o conhecimento popular. Até o momento foram implantadas uma oficina de placas acústicas produzidas com os resíduos da cana brava (Praia Grande/Ilha de Maré) e uma oficina de dispositivos acústicos e artesanais, produzidas com palhas do dendê e da piaçava (Moreré/Ilha de Boipeba). Assim, estamos somando a técnica de trançado de fibras naturais dos artesãos com o conhecimento de acústica desenvolvido nos cursos de engenharia e arquitetura, permeados pelos conhecimentos de proteção à saúde aos meio ambiente, desenvolvidos no curso de enfermagem. Neste contexto, além de colaborar com a proteção ambiental sob duas vertentes:1) Aproveitamento dos resíduos de fibras naturais descartados pelos artesãos locais, que são queimados, tornando-se fonte produtora de poluição 2) Fabricação de dispositivos acústicos voltados para a diminuição da poluição sonora em ambientes fechados; Estamos contribuindo para o desenvolvimento de tecnologias sociais em comunidades quilombolas e ribeirinhas e com o desenvolvimento sustentável das comunidades em estudo.

Temas: Meio ambiente Renda Ver mais

Produção De Tinta À Base De Terra Para Uso Em Pintura Imobiliária E Artesanato.

Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural

A tinta feita à base de solo, conhecida no ES como Cores da Terra, utiliza materiais de fácil manejo e obtenção, baixo custo e sustentáveis do ponto de vista ambiental, sendo preparada pela adição de cola branca à uma mistura de terra e água. Pode ser aplicada em paredes das residências, construções rurais, dentre outras possibilidades, incluindo a utilização em artesanato. Essa última tem sido a principal utilização da tecnologia por agricultores familiares que produzem artesanato como alternativa de renda, como também por artesãos e artistas plásticos dos municípios do interior capixaba, em cujas peças as tintas de terra tem sido utilizadas em substituição às tintas convencionais.

Temas: Renda Meio ambiente Ver mais

Produção Sustentável De Óleos Vegetais Aromáticos E Medicinais E Produtos Afins

Associação Vida Verde da Amazônia

A produção sustentável de óleos vegetais e cosméticos naturais tornou-se uma alternativa econômica para as mulheres da cidade de Silves no Amazonas e parceiros comunitários, aplicando e preservando, assim, seus conhecimentos tradicionais e populares sobre o manejo de plantas nativas.

Temas: Renda Meio ambiente Ver mais

Programa Catavida

Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo

Cert. em 2011 e 2013. Tecnologia focada na cooperação como estratégia de inclusão social, especialmente no tocante à geração de trabalho e renda de trabalhadores/catadores de materiais recicláveis no município de Novo Hamburgo/RS. O objetivo principal é a inclusão social dos trabalhadores e trabalhadoras, que embora promovam significativo impacto econômico e ambiental através do seu trabalho, por vezes são excluídos da sociedade. Atualmente há 100 catadores vinculados ao Programa, dos quais mais de 40% são mulheres, por vezes as únicas responsáveis pela renda familiar. Além de geração de renda e inclusão social, a reciclagem promove a sustentabilidade ambiental no município.

Temas: Meio ambiente Renda Ver mais

Programa Da Castanha

Pacto das Aguas - Elaboraçao e Desenvolvimento de Projetos Socio Ambientais

O programa da castanha consiste em formar uma rede de parceiros em comunidades tradicionais e indígenas que desenvolvem trabalho de geração de renda de forma sustentável, sobretudo com a castanha-do-Brasil e a seringa. Essa rede se articula na busca do mercado institucional e do mercado justo para que a venda desses produtos, em escala, seja alcançada com preços justos. Dessa forma, inibe-se a venda dos produtos florestais não-madeireiros para atravessadores ao mesmo tempo que estimula as populações a trabalharem com a lógica da floresta em pé, que por sua vez também estimula a permanência da juventude nas terras indígenas e reservas extrativistas.

Temas: Renda Meio ambiente Ver mais

Programa De Coleta Seletiva, Nem Tudo É Lixo

Município de Santa Terezinha de Itaipu

O Programa de Coleta Seletiva, nem tudo é lixo foi criado em 2004, esta iniciativa implementada pelo município de Santa Terezinha de Itaipu foi reestruturada em 2014, através de uma simples organização de coleta e divulgações. Antes da reestruturação do programa os catadores coletavam cerca de 30 tonelada de materiais ao mês, já no de 2014 a média passou para 110 toneladas/mês, chegando ao índice de 85 % da participação da população na separação dos materiais recicláveis gerados no município. A renda média dos catadores antes do projeto era de 450,00 reais, agora passou para 1.300,00 por catador ao mês. Além disso aumentou 40% a vida útil do Aterro Sanitário.

Temas: Meio ambiente Renda Ver mais

Fale Conosco