Clubes De Leitura Palavra Mágica Em Presídios

por Fundação Observatório do Livro e da Leitura
Certificada 2017

Resumo

O projeto recorre às práticas sociais de leitura como ferramenta para o desenvolvimento do indivíduo, promoção de sua cidadania e ressocialização dos detentos atendidos. Criado em 2009, o projeto já atendeu mais de 8.000 presos e está presente em 17 penitenciárias para homens e mulheres no Estado de São Paulo. Cada clube possui, em média, 20 membros e se reúne mensalmente para discutir sobre livro lido, o que acaba funcionando como uma terapia pelos livros, uma ciência denominada Biblioterapia, nas quais fazem conexões entre suas vidas com as personagens, situações e cenários da obra. O livro é escolhido por votação, a partir de uma lista tríplice preparada e defendida pelos mediadores, que também são detentos. A partir de 2018, para cada livro lido e resenhado, os participantes têm uma redução de pena de 4 dias. O projeto é desenvolvido em parceria com a Fundação Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel, e conta com diversos apoiadores, entre os quais o Instituto Federal de Sertãozinho, a Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp) e a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Franca (SP).

Ver mais



Anexos

  • Pesquisa com participantes dos Clubes de Leitura Palavra Mágica
  • carta de instituição ABDL
  • Carta de instituição CBB

Locais de Implantação



Responsáveis

Galeno Amorim galeno@observatoriodolivro.org.br


Fundação Observatório do Livro e da Leitura

(16) 9824-50017
(16) 9811-10409
galeno@observatoriodolivro.org.br

Rua Americo Brasiliense 1205, Casa 2

Centro

RIBEIRÃO PRETO/ SP


Comentários

Fundação Observatório do Livro e da Leitura

(16) 9824-50017
(16) 9811-10409
galeno@observatoriodolivro.org.br

Rua Americo Brasiliense 1205, Casa 2

Centro

RIBEIRÃO PRETO/ SP


Responsáveis

Galeno Amorim galeno@observatoriodolivro.org.br


Fale Conosco